Prefeito Rogério Troncoso acompanha governador Ronaldo Caiado na flexibilização do comércio

Onofre Garcia

O prefeito de Morrinhos, Rogério Troncoso, decidiu acompanhar o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, na flexibilização de vários estabelecimentos comerciais nesse momento de pandemia do coronavírus. Boa parte do comércio que esteve com as portas fechadas, voltou a funcionar hoje em Morrinhos, seguindo todas as restrições impostas pelos decretos municipal e estadual. Uso de máscaras, álcool em gel ou líquido 70%, evitar aglomerações de pessoas, continuam em vigor. Decreto divulgado pelas redes sociais, segmentos do comércio já abriram as portas a partir de hoje, dia 14 de julho de 2020, depois de 13 dias fechados.

Governador Ronaldo Caiado

De acordo com as novas normas, feiras livres, inclusive a feirinha do Cristo que está sem funcionar a bastante tempo, academias, sanduicherias, bares, pizzarias, lanchonetes e outros, estão liberadas a partir de hoje, 14 de julho. O funcionamento de estabelecimentos que também trabalham a noite, será permitido somente até às 22 horas. O prefeito anunciou também que fará a distribuição do medicamento ivermectina a partir do dia 20 próximo, no entanto, os outros medicamentos que estão sendo utilizados contra o COVID-19 serão distribuídos somente com prescrição médica.

Segundo o novo decreto com protocolo mais rígido para a reabertura e funcionamento do comércio e outros estabelecimentos, terão de solicitar um alvará provisório, assinado pelo prefeito e assessoria. Os interessados devem manter contato com o Poder Executivo a fim de receber as orientações necessárias. É importante ressaltar que Morrinhos faz parte da lista dos municípios que irão receber o teste em massa para o COVID-19.

Morrinhos está entre os municípios que contribuíram para Goiás ultrapassar 30% da área plantada de algodão

O Projeto de Controle do Bicudo em Goiás é coordenado pelo Fundo de Incentivo à Cultura do Algodão em Goiás (Fialgo) e acompanha a colheita nas fazendas cotonicultoras em todo o estado. Conforme levantamento realizado até o dia 9 de julho, foram colhidos 28,13% de toda a área plantada no estado, que na safra 2019-2020 soma 35.422 hectares. A expectativa é que o número já tenha ultrapassado os 30% nesta segunda-feira, dia 13.

Os dados mostram que na Região 1, formada pelos municípios de Caiapônia, Montividiu, Rio Verde, Paraúna e Turvelândia, foram colhidos 13,05% da safra. O número representa 3,48% de toda a área colhida no estado. Na Região 2, que engloba os municípios de Chapadão do Céu, Mineiros, Jataí, Perolândia e Portelândia, registra 38,14% de sua área plantada colhida. Este valor representa 14,26% de toda a colheita em Goiás.

Por fim, a Região 3, composta pelos municípios de Cristalina, Goiatuba, Luziânia, Morrinhos, Palmeiras de Goiás, Piracanjuba e São João D’Aliança, computaram 28,92% de área colhida, correspondendo a 10,39% de toda a colheita estadual. O Fialgo tem monitorado a presença da praga do Bicudo e orientado produtores sobre como e quais ações serem realizadas neste período para o controle do inseto.

Fonte: grupocultivar.com.br