Concurso PC GO: abertura de novo edital foi recomendada pelo MPGO

Em maio de 2020 a 57ª Promotoria de Justiça de Goiânia, na pessoa do promotor Fernando Krebs, recomendou que a Secretaria de Segurança Pública de Goiás adote as providências necessárias para a abertura de novas vagas na Polícia Civil. De acordo com Krebs, um novo concurso PC GO precisa ser aberto para os cargos de Agente e Escrivão de Polícia Civil.

Para o Ministério Público goiano o concurso deveria ser lançado o mais rápido possível, a fim de que pudesse ser concluído em até um ano, contado a partir do recebimento da recomendação, “haja vista a atual situação financeira do estado de Goiás”.

Não há informação confirmada sobre a quantidade exata de vagas do próximo edital, mas são esperadas pelo menos 550 oportunidades.

Acompanhe todas as novidades sobre o concurso da PC do Goiás e não se esqueça de prosseguir se preparando. Aproveite e conheça nossos artigos com dicas e os nossos simulados.

Situação atual do concurso PC GO

Além de recomendar o concurso público para a corporação, a Promotoria indicou que precisaria ser feito o remanejamento de pessoal das delegacias da PC em todo o estado. Dessa forma, todas as delegacias contariam com pelo menos um Agente de Polícia e/ou um Escrivão de Polícia.

Essa medida evitaria que o atendimento da Polícia Civil continuasse precarizado, uma vez que, segundo o MP, o atendimento aos cidadãos vem sendo realizado por servidores comissionados ou do quadro de prefeituras.

A 57ª Promotoria apurou, em contato com a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), que o déficit de cargos da Polícia Civil é, hoje, de cerca de 45% do efetivo.

Os números apontados realmente são preocupantes: 34% dos 246 municípios do Goiás possuem Delegados na ativa, enquanto que apenas 57,7% do conjunto dos municípios contam com um Escrivão ou Agente trabalhando.

Já nas 126 comarcas do Poder Judiciário de Goiás, foi detectado que em 50 delas não há sequer um Delegado de Polícia. Segundo o promotor, isso “fatalmente ocasiona lentidão no andamento de investigações criminais”.

“Justificando a orientação para a realização do concurso, a recomendação lembra que, com base no artigo 44, inciso V, do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias da Constituição Estadual, o novo regime fiscal, com vigência até 31 de dezembro de 2026, não vedou a realização de concurso público no âmbito da SSP”, complementa a assessoria do MPGO.

Fonte: concursosnobrasil.com.br