Jornalista esportivo Mané de Oliveira morre aos 80 anos, em Goiânia

ex-deputado estadual e jornalista esportivo Mané de Oliveira morreu na madrugada deste sábado (13) em decorrência de uma parada cardiorrespiratória. Manoel José de Oliveira, tinha 80 anos e lutava contra um câncer no intestino. Ele deixa 11 filhos e 26 netos.

De acordo com o filho dele, o também jornalista Marcelo Álvaro de Oliveira, o velório está agendado para as 11h, no Ginásio de Campinas. O sepultamento, que estava previsto para as 16h, no Cemitério Parque Jardim das Palmeiras, mudou de horário e será feito às 19h.

Batalha

A luta de Mané de Oliveira pela vida começou em agosto de 2020, quando descobriu um câncer no intestino. Desde então, passou por uma cirurgia delicada para remoção do tumor e se tratava com quimioterapia.

Segundo Marcelo, o pai ficou debilitado em razão dos efeitos adversos provocados pelos remédios que ingeria. Na noite desta sexta-feira (13) a situação se agravou e Mané foi levado às pressas para o Hospital do Jardim América, onde ficou internado com fluido nos pulmões e um coágulo na cabeça. O óbito foi confirmado por volta das 3h deste sábado (13).

Despedida

“O que precisava ser feito na Terra, foi feito. Agora, é Deus quem vai cuidar do meu pai”, afirma Marcelo. “Mané trabalhou a vida inteira como jornalista dedicado ao esporte. Foi patrão exemplar. Durante sua grande carreira teve oportunidade de conviver com grandes nomes da área, como José Carlos Lopes. Era uma pessoa que, se não tinha amigos, inimigos eram pouquíssimos. Foi depuutado duas vezes, sempre bem votado. Um homem íntegro, sempre bem querido e bem falado, sempre recebeu carinho do povo goiano”, completou.

Fonte:https://www.emaisgoias.com.br/